Vídeo: Candidato Capitão Carpê insinua que “gambiarra” é praxe da polícia militar

Manaus- O capitão da polícia militar (PM/AM), Carpegiane Andrade, o “Carpê” que concorre a uma das 41 vagas da Câmara Municipal de Manaus (CMM), no pleito de 2020, entrou em polêmica, na tarde desta terça (27), ao fazer uma declaração difamatória envolvendo a policia militar do estado, onde atua há pelo menos 11 anos.

Carpê Andrade aparece em vídeo criticando uma mulher que pedia melhorias em seu sítio, caso o capitão fosse eleito vereador.

O capitão em resposta ao pedido da eleitora disse que para fazer essa melhoria, ele precisaria tirar dinheiro do próprio bolso.

Então a mulher relata que não precisaria, pois era só o candidato fazer uma “gambiarra” e, como resposta, Carpê diz que se quisesse fazer “gambiarra”, continuaria na polícia.

VEJA O VÍDEO

O vídeo tem tomado grandes proporções além de ter deixado muitos policias furiosos com a declaração do candidato  a vereador.

É válido lembrar que Carpê já foi afastado da polícia em 2019, pelo motivo de gravar um vídeo, usando a polícia militar, para intimidar um grupo que de manifestantes durante a marcha da maconha.

No vídeo ele fazia ameaças aos participantes, que tinham amparo legal para se manifestar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui