Travesti denuncia irmão de Wilker Barreto por agressão após programa sexual em Manaus

Em uma denúncia recebida pelo Tribuna do Amazonas, uma travesti informou que reconheceu seu agressor na imagens que viralizaram, nesta quarta-feira (21), no vídeo em que Williame Barreto soca um idoso e seu filho. “Ele é um cliente difícil e agressivo” afirma travesti que teria feito programa com irmão de Wilker Barreto

Segundo a vítima, Willame é um conhecido por ser cliente de travestis das proximidades da Sefaz, e do Centro de Manaus, onde há grande fluxo de prostituição, anda em um Corolla branco e é um cliente muito agressivo.

Ela que se identificou como Natasha, conta que em uma ocasião ainda nesse ano (2020), ele se recusou a pagar pelo programa após ela ter recusado o seu desejo de ser passivo na relação, e ela ativa. Natasha alega que algumas travestis aceitam ser ativas, mas ela não aceita inverter os papéis. Após a recusa, Willame lhe agrediu e ameaçou a travesti afirmando ser um homem influente na polícia, intocável.

Hoje, morando no estado de Roraima, com a repercussão de mais um caso de agressão por parte de Willame, ela afirma ter mais segurança em denunciar o caso, e diz conhecer outras amigas travestis que também já levaram calote de Willame e apanharam por isso. Ela disse que na época não sabia que Willame era irmão de um deputado estadual e só identificou o agressor pelo vídeo que viralizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui