Procuradoria Geral não pediu afastamento do governador

O governador do Estado Wilson Lima, lamentou na noite desta segunda-feira (16), a onda de fake news onde vários veículos de comunicação de forma irresponsável, noticiaram que a Procuradoria Geral da República (PGR) teria pedido seu afastamento.

“É lamentável que veículos de comunicação, como a TV Norte, afiliada ao SBT, que têm o dever de informar, sigam a onda das fake news, sem sequer apurar a verdade. Isso é falta de responsabilidade, prejudica milhares de pessoas e em nada acrescenta com o trabalho de melhorar o AM”, comentou.

A notícia do afastamento suspostamente solicitado pela PGR, seria como medida cautelar, para preservar provas e tomar o depoimento dos envolvidos na Operação Sangria.

A informação dizia que além do governador do estado, a PGR também pedia o distanciamento do vice Carlos Almeida e de alguns deputados estaduais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui