Amazonino quis ‘causar’ no discurso atacando David Almeida; mas esqueceu de elogiar Braga

O candidato a prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (Podemos), anunciou sem nenhuma novidade o nome do deputado estadual Wilker Barreto como vice em sua chapa.

Como um típico senhor de idade, ranzinza, Mendes criticou os adversários, os deputados da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM) e ao Ministério Público do Amazonas (MP-AM).

Inicialmente lembrou um pouco de sua trajetória politica, assim como sua derrota mais atual, ocorrida em 2018, para o governador Wilson Lima (PSC).

“Eu me escandalizo. Nunca vi, em nenhum momento da nossa história, tanta subserviência. E nunca vi tanta relação de negócios espúrios dos membros daquele parlamento com o governo”, afirmou.

Amazonino também disparou contra o Ministério Público do Amazonas.

O candidato a prefeito de Manaus estava programado para elogiar o senador Eduardo Braga (MDB), presente no evento, mas esqueceu, causando um mal estar aos presentes na solenidade. Somente após ser lembrado, retomou o discurso e mencionou o seu novo, ou será antigo, aliado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui